Iníxio Mapa do Site Web Mail Facebook You Tube

Notícias

Semusa lança projeto de incentivo ao aleitamento materno

Com objetivo de instruir mães e gestantes, projeto denominado de “Elos de Afeto” foi lançado nesta quarta-feira, 10, na Apae

A- | A+

A Secretaria de Saúde de Laranjeiras do Sul (Semusa), através do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF) lançou na manhã desta quarta-feira, 10, o projeto “Elos de Afeto”, que visa incentivar a salutar prática do aleitamento materno. O evento foi realizado no auditório da Apae e contou com a presença do prefeito Berto Silva, do secretário de Saúde Valdemir Scarpari, da coordenadora do Banco de Leite Humano de Guarapuava, Franciele Boaria, dos médicos Márcio Marreiros, Inocêncio de Oliveira Abreu e Paulo Bianchini Perez, jornalistas e profissionais da Secretaria de Saúde.

Em um primeiro momento, o “Elos de Afeto” vai capacitar profissionais da saúde para que, na sequência, atuem em favor das mães lactantes. O projeto também vai apoiar e incentivar a doação de leite humano, através da implantação de um Banco de Leite, que vai beneficiar recém-nascidos que estejam privados do aleitamento materno.

Para a nutricionista e coordenadora do projeto em Laranjeiras do Sul, Thaise de Almeida Granzotto, as doações podem salvar a vida de muitos bebês prematuros. “Quando a mãe produz leite acima do que o filho dela consome, a gente pede para doar. Os prematuros precisam muito desse leite e, muitas vezes, a mãe não tem produção suficiente para atender a alimentação do bebê”, afirmou.

De acordo com o secretário de Saúde de Laranjeiras do Sul, Valdemir Scarpari, o leite materno é o principal alimento para que a criança prematura ganhe peso e estabilize a saúde. “É mais uma ferramenta que será destinada não apenas para as crianças internadas, mas para todas aquelas que precisarem”, diz o secretário. Ele observa que a amamentação adequada também reduz custos para o Município, uma vez que, previne doenças e, consequentemente, reduz internamentos, contribuindo para reduzir a mortalidade infantil.

O prefeito Berto Silva elogiou a iniciativa da Secretaria de Saúde e afirmou que o objetivo é implantar um Banco de Leite em Laranjeiras do Sul. “A Organização Mundial da Saúde recomenda que os bebês recebam leite materno até os dois anos ou mais, associado à alimentação complementar saudável. Além de fazer bem para a saúde da criança e da mulher, o aleitamento materno é a forma mais econômica de alimentar uma criança. Por isso, vamos implantar o nosso banco, que vai beneficiar as crianças que são internadas nos hospitais do município”, disse o prefeito.

Berto Silva aproveitou o evento para anunciar algumas novidades na área da saúde. Entre elas, as contratações da enfermeira laranjeirense Tássia Prado, que vai assumir a direção da UBS do Presidente Vargas, e do médico Márcio Marreiros, que passa a atender na UBS Carlos Felipe de Sio. Após o evento, Berto entregou um veículo zero km, adquirido com recursos próprios, para a Secretaria de Saúde.

 

10/05/2017


Voltar para Página Inicial